James Murphy: Em live, guitarrista fala de suas experiências no Death e Testament
Postado em 19 de janeiro de 2022 @ 10:33 | 173 views


O canal do YouTube HEAVY CULTURE iniciou 2022 com um excelente e informativo bate-papo com o guitarrista James Murphy, músico que no decorrer das décadas fez parte de bandas como Disincarnate, Cancer, Death, Konkhra, Obituary e Testament. Além de um currículo invejável forjado nestas bandas, como artista solo lançou dois álbuns, “Convergence” (1996) e “Feeding the Machine” (1998), este último com ótima receptividade no Brasil na época. Como convidado especial também participou de músicas de bandas como Artension, Broken Hope, Firewind, Gruesome e muito mais. Sua carreira, porém, sofreu um revés logo após o lançamento do álbum “The Gathering”, do Testament, em 1999, quando passou por uma cirurgia no cérebro para remover um tumor, o que lhe causou uma severa perda de memória.

Para conferir estes e outros assuntos, acesse:

O longo papo, de mais de uma hora de duração, contou ainda com riffs tocados por James Murphy ao longo da live, de músicas do Death e Testament, e para os interessados em equipamentos, o músico ainda mostrou alguns pedais que usa. A live abordou a homenagem realizada à Chuck Schuldiner em dezembro, quando antigos membros do Death e outras bandas realizaram um show em Tampa, Florida, com Murphy tocando o álbum Spiritual Healing” na íntegra ao lado de Terry Butler (baixo), Gus Rios (bateria) e Matt Harvey (guitarra/vocal), estes dois últimos integrantes do Gruesome. Murphy também falou sobre a experiência de lançar dois álbuns solo durante uma época não muito propícia para o estilo.

Além disso, questionado se haveria possibilidades de um novo álbum solo, Murphy disse que as possibilidades mais prováveis de um futuro próximo é de fazer shows com o Disincarnate. Sua marcante participação no Testamento também foi abordada, quando teve a possibilidade de participar dos álbuns “Low” (1994), “Demonic” (1997) e “The Gathering” (1999). Sua rápida mas marcante passagem pelo Obituary no álbum “Cause of Death” (1990) foi igualmente discutida, bem como “Death Shall Rise” (1991) do Cancer, que segundo o músico, trata-se apenas de uma participação especial, e que ele não chegou a fazer parte da formação oficial do grupo, diferente do que na época foi divulgado.

O HEAVY CULTURE ainda realizou uma brincadeira com Murphy, onde ele deveria fazer comentários sobre guitarristas como Jimi Hendrix, Joe Satriani e Gary Holt. Para finalizar, o guitarrista contou detalhes sobre sua passagem pelo Death e como foi sua relação com Chuck. A próxima live será realizada em 25/01 às 19h, com a participação do vocalista Tim “Ripper” Owens, que atualmente divulga o debut do KK’s Priest. Em fevereiro o canal receberá o guitarrista Victor Griffin, músico estadunidense que já integrou o lendário Pentagram e que atualmente segue na linha de frente do Doom Metal com In-Graved, Place of Skulls e Death Row. O bate-papo será realizado em 01/02 às 19h.

Créditos da foto: Divulgação

Mais informações:

Facebook: https://www.facebook.com/heavyculturebra
Grupo: https://www.facebook.com/groups/159610798712141
Instagram: https://www.instagram.com/heavyculture
YouTube: https://www.youtube.com/HeavyCulture
E-mail: heavyculture2020@gmail.com
Assessoria de Imprensa: www.wargodspress.com.br

Tags:, , , , , , , , , , , , ,

Categoria: Heavy Culture · News · Vídeos


TOP