Rage In My Eyes: Em entrevista, grupo assume a mescla de peso com acordeon
Postado em 17 de dezembro de 2019 @ 08:50 | 1.022 views


Já está no ar, via revista Rock Meeting, uma entrevista completa sobre o novo álbum da RAGE IN MY EYES, onde os músicos dissecaram o álbum “Ice Cell” e os detalhes que permearam a mudança de nome e as inserções de música gaúcha no trabalho. O bate-papo, conduzido pelo redator Renato Sanson, está disponível na edição #123 da revista virtual, podendo ser acessado diretamente do site ou em seu perfil na plataforma Issuu. Dentre os assuntos abordados, destacam-se justamente as raízes tradicionalistas da banda, principalmente no guitarrista Magnus Wichmann, neto do folclórico Teixeirinha. Na entrevista, ele explicou um pouco mais este toque tradicionalista, já encontrado nos álbuns da Scelerata: Um pouco por coisas novas que estamos ouvindo e um pouco pela influência natural dos novos componentes. A vertente da regionalidade decidimos assumir de vez. Sempre ouvi música regionalista mesmo sem querer, pois, é muito forte dentro da minha família. Cresci ouvindo e aprendi a gostar e respeitar este tipo música. Os outros componentes da banda, mesmo que não escutem (o que não é o caso, por este tipo de música fazer parte de toda uma tradição forte daqui), a influência se torna espontânea por eles serem naturais aqui do sul.”

 Para ler a entrevista completa, basta acessar um dos links abaixo: 

Direto no site:
http://www.rockmeeting.net/entrevistas/rageinmyeyes 

No Issuu:
https://issuu.com/rockmeeting/docs/rockmeeting123

Jonathas Pozo (vocal), Magnus Wichmann e Leo Nunes (guitarras), Pedro Fauth (baixo) e Francis Cassol (bateria) ainda informam a inserção do clipe “Death Sleepers” na programação do canal Music Box (123 da NET) nesta quinta-feira (19/12), às 18h, no programa Sonar. Produzido pelo premiado cineasta Ulisses Da Motta, o clipe adota o tradicionalismo gaúcho nas vestimentas da banda, criando uma identidade visual única. Ulisses, que também é professor e crítico, dirigiu diversos curtas, documentários e programas para a TV, além de ter tocado Heavy Metal nas décadas de 1990/2000. E é através das palavras dele que descobrimos mais detalhes sobre o clipe de  “Death Sleepers”, como, por exemplo, o conceito do tradicionalismo gaúcho: “A banda já veio com uma ideia bem formada de conceito visual. Como a música “Death Sleepers” tem elementos de música tradicional gauchesca – o que a banda já trabalha desde os primeiros lançamentos como Scelerata -, eles trouxeram esse conceito de referenciar à cultura da fronteira do Rio Grande do Sul no cenário e nos figurinos. Foi curioso, porque era algo que eu já queria fazer em algum momento, essa representação mais contemporânea do gaúcho”.

Para adquirir a versão física do álbum, basta comprar diretamente através da loja virtual https://rageinmyeyes.loja2.com.br, com diversas opções de pagamento.

Assista ao vídeo clipe de “Death Sleepers”:

Contatos:
Site: www.rageinmyeyes.com
Facebook: www.facebook.com/rageinmyeyes
Instagram: www.instagram.com/rageinmyeyes
Assessoria de Imprensa: www.wargodspress.com.br

Tags:, ,

Categoria: News


TOP