Solarisphere: Primeiro EP é liberado em todas as plataformas digitais
Postado em 04 de junho de 2020 @ 14:51 | 1.197 views


Solarisphere

A banda SOLARISPHERE, de Rondonópolis/MT, acaba de lançar seu primeiro EP, auto intitulado, em todas as plataformas digitais. Disponibilizado através da Wargods Press, o EP apresenta quatro faixas, que traduzem de forma singular influências baseadas no Stoner Rock/Heavy Metal, com Caio César (baixo/vocal), Lucas Codorniz e Rafael Mafra (guitarras) e Nelson Júnior (bateria) adicionando suas próprias características às músicas, conduzindo os ouvintes para uma viagem sonora autêntica e empolgante. “Fade”, “My Mind”, “Slime” e “Lost Thoughts” foram trabalhadas nos mínimos detalhes, como conta o baixista e vocalista Caio César: “Passamos os últimos meses praticamente em estúdio, moldando cada música até chegarmos ao ponto certo. Contamos com a grande parceria do produtor Nelson Martins e acreditamos que o resultado final tenha ficado excelente! O lançamento do EP é uma vitória, afinal, estamos no meio de uma pandemia e de agora em diante as coisas serão bem diferentes, mas esperamos que nossas músicas ajudem os fãs de som pesado a encarar tudo de uma forma diferente”.  

Ouça o EP no Spotify:
https://open.spotify.com/album/5REbwlqX2uFIrk7BQowuzn

Em relação a temática abordada nas letras, o baixista e vocalista Caio César explica que as músicas falam basicamente de assuntos retratam situações pessoais de superação, como “My Mind”: “A música fala de formas de superar algo que ficou no passado e maneiras utilizadas para lidar com o mesmo. Eu compus essa letra baseado em um término de relacionamento e na forma de superá-lo”. A letra de “Fade” trabalha sobre a desilusão da vida, e segundo o músico, “de como a rotina se torna cômoda e, de certa forma, acabamos no tornando prisioneiros dela. Procuro transmitir um alerta sobre como vivemos uma mentira e a necessidade de acordarmos”. “Lost Thoughts”, entretanto, trabalha a ideia de uma pessoa que supostamente possui o controle, apenas para perceber que, no final das contas, ela era apenas mais uma peça da roda da vida. Segundo Caio, “eu meio que fiz a letra seguindo o imaginário de um executor que, em determinado momento chave, percebe que quem é o próximo a ser executado é ele mesmo”.  Por fim, “The Slime” retrata a história de um assassino: “Uma vítima que, ao ser criada na fossa e de maneiras impróprias, se tornou um ser que procura atrair suas vítimas a seu habitat para dissolver as mesmas. Em resumo, a letra retrata a forma como ele atrai uma moça até a mesma, a executa e, no fim, se sente sozinho por novamente estar em suas trevas”.

A belíssima capa do EP foi criada pelo artista gráfico Rafael Panegalli, com ideias sugeridas pela banda, como explicou Nelson Júnior: “Quando o Rafael nos entregou a arte pronta ficamos malucos! A primeira coisa que pensamos foi: imagina um bolachão de vinil com essa capa? Pode ser um plano meio louco, mas gostaríamos que rolasse. Para compor a arte, passamos algumas ideias para ele e o resultado ficou lindo, casando perfeitamente com nosso conceito”. Segundo a banda, há a intenção de lançar a versão física do EP, mas com a pandemia os planos serão adiados para quando houver um cenário de normalização. Para breve o SOLARISPHERE planeja ações virtuais para a promoção do material e mais novidades serão divulgadas em breve. 

Ouça o EP no Deezer:
https://www.deezer.com/br/album/151976052

Contatos:
Facebook: www.facebook.com/solarisphere
Soundcloud: www.soundcloud.com/solarisphererock
Instagram: www.instagram.com/solarisphereroo
Assessoria de Imprensa:  www.wargodspress.com.br

Tags:,

Categoria: News · Plataformas Digitais


TOP