LVNA Fest: Saiba todos os detalhes do festival em entrevista com uma das organizadoras
Postado em 24 de agosto de 2020 @ 13:13 | 399 views


Bloodhunter: banda espanhola será o headliner do Lvna Fest

No próximo sábado, 29/08, será realizado o festival online LVNA Fest, que contará com 20 bandas, e dentre elas, uma atração internacional, o Bloodhunter, da Espanha. Porém, o que difere o festival dos demais é o seu foco: todas as bandas participantes contam com mulheres. O projeto teve origem em um festival que aconteceu em Curitiba/PR no mês de fevereiro e foi idealizado por duas mulheres apaixonadas por música e arte em geral, e também admiradoras de bandas com mulheres na formação.

Essa segunda edição do festival será realizada no formato online no Youtube e será beneficente, em prol da ONG Mulheres da Luz, um coletivo que busca promover cidadania e garantia de direitos humanos para mulheres em situação de prostituição na cidade de São Paulo, realizando desde 2013 atividades relacionadas à educação, cultura, saúde, cidadania e acesso a direitos sociais.

Para saber mais sobre o trabalho de Angie Ramms e Mari Moreira, conversamos com Angie sobre todos os detalhes do projeto, que engloba também um estúdio, que por enquanto será um espaço virtual destinado a divulgar o trabalho da, também parceira do LVNA, Tati Klingel como instrutora vocal.

Confira!

Wargods Press – No próximo sábado, 29 de agosto, será realizada a segunda edição do Lvna Fest, no formato virtual. Entretanto, vamos voltar um pouco tempo e relembrar a primeira edição, ocorrida no início do ano, antes do estouro da pandemia no Brasil. Como foi trabalhar nessa primeira edição, ainda sem a preocupação com a COVID-19?

Angie Ramms: Parece que a época pré-COVID foi há mil anos atrás né? Foi bem legal! Tenho muito orgulho dessa primeira edição do evento, tudo foi feito com muito carinho e contamos com muita colaboração das bandas e demais pessoas que participaram. O objetivo que tínhamos no LVNA I era trazer vários elementos ao evento além das bandas e conseguimos: Tivemos a participação de um DJ local (www.instagram.com/grunnup) e das meninas do Asgard Tribal Co. (www.instagram.com/asgardtribal) que fizeram apresentações de dança incríveis nos intervalos entre as bandas. Também tivemos no palco bandas cover junto com uma banda autoral, que foi a nossa forma de mostrar que as duas coisas podem sim coexistir. O mais importante é que a recepção do público foi muito boa e a noite foi memorável. (Aguardando a vacina do COVID ansiosamente para podermos ter mais eventos assim).

Wargods Press – O Lvna Fest foi a primeira movimentação do projeto Lvna Art, que visa exaltar as mulheres presentes no Heavy Metal nacional. É importante que surjam espaços como este, 100% dedicados às mulheres no meio Heavy, pois sabemos que ainda há muito machismo dentro do Metal brasileiro. De que forma vocês idealizaram o projeto e como tem sido a repercussão?

Angie: Inicialmente o LVNA nasceu como um evento underground presencial, mal sabíamos a finais de 2019 o que 2020 tinha preparado…. Se hoje viramos uma página de divulgação para bandas e um evento online é ‘graças’ a pandemia. Desde o começo um dos nossos objetivos sempre foi mostrar o trabalho das mulheres dentro do underground e acredito que estamos no bom caminho, mesmo que seja como espaço virtual. A repercussão tem sido muito boa até agora, temos recebido muitos elogios pelo nosso trabalho como também sugestões de outras ações que poderíamos levar em frente para melhorar e crescer. Estamos muito felizes com todo o feedback recebido até o momento!

Wargods Press – Além disso, no dia 13 de julho surgiu mais um desdobramento do projeto, o Lvna Vox Studio, com a professora de vocais extremos Tati Klingel. 

Angie: Sim, Tati Klingel é minha esposa, colega de banda na MOLT (www.instagram.com/molt.official), parceira do LVNA e professora de canto (risos). Ela, junto comigo, é uma das idealizadoras do LVNA, aliás, foi ela que deu nome ao projeto. Ela foi bem ativa na organização do LVNA I porém, como a agenda dela é bem cheia, de um tempo pra cá definimos que eu tocaria o LVNA tanto na função de divulgação de bandas como tudo o relacionado ao LVNA Fest para que ela possa se dedicar melhor a sua função como instrutora vocal. Desde o surgimento do LVNA sempre soubemos que seria um projeto com vários braços e o primeiro deles é o LVNA VOX Studio (www.instagram.com/lvna.vox). Antes da pandemia, o nosso plano para o Studio era ter um espaço físico, uma espécie de ‘casa cultural’, que seria o lar dos nossos projetos. Infelizmente, esse projeto está agora limitado pela pandemia e todas as suas consequências. Enquanto o COVID estiver por aqui, o LVNA VOX Studio será um espaço virtual destinado a divulgar o trabalho da Tati como instrutora vocal, principalmente no relacionado a distorções vocais. Também apostamos nele como espaço para divulgar os novos talentos que enxergamos nos alunos dela, que tem mostrado – cada um no seu estilo – uma qualidade, compromisso e evolução incríveis! Acreditamos que isso precisa ser mostrado.

Wargods Press – O Lvna Fest contará com 22 bandas, um número expressivo! É interessante destacar a variedade de estilos, o que deixará o evento ainda mais rico. Nos conte um pouco como funcionou a seleção das bandas. 

Angie: Por ser uma primeira edição online, a maioria das bandas que chamei são bandas parceiras, as quais conheço e nas quais confio. Prazos, entrega de material e compromisso com divulgação são coisas muito sérias e escolhi pisar em ‘terreno firme’ por assim dizer nesta primeira edição. Fora isso, chamei um par de bandas que se bem conheço, não sou tão próxima, mas que acreditei que iriam se identificar com a proposta para completar o cast. Em relação a nossa headliner, BLOODHUNTER, admito que fiquei muito feliz pela banda ter aceitado nosso convite e confiado em nós para esta empreitada sendo que não somos de jeito nenhum uma média grande ou reconhecida.

Wargods Press – Por ser um projeto voltado às mulheres no Heavy Metal, e por contar com bandas que tenham mulheres em sua formação, o projeto decidiu partir para uma proposta beneficente, buscando recursos para a ONG Mulheres da Luz, um coletivo que busca promover cidadania e garantia de direitos humanos para mulheres em situação de prostituição na cidade de São Paulo. Primeiramente, parabéns pela iniciativa! Esta proposta é digna de elogios e é importante inserir este tipo de ação dentro do Metal nacional. Como surgiu a ideia de criar esta ação beneficente?

 Angie: As primeiras ideias que troquei sobre esta versão online do festival foi com várias das meninas das bandas que vão tocar nesta edição, tenho o orgulho de chamar a maioria delas de amigas, e foram elas que fizeram questão de levantar essa bandeira desde o começo: de ajudar uma causa que envolva outras mulheres menos favorecidas. Eu e minha colega do LVNA, Mari, procuramos muito por uma instituição ou movimento para destinar as colaborações até que a Nina Furtado da banda Haney (www.instagram.com/haneymusic) me indicou o Mulheres da Luz. Li tudo o que achei sobre na internet e apresentei a ideia pra Mari, em menos de 24 horas estávamos decididas que essa seria a causa que íamos ajudar.

Wargods Press – O Lvna Fest tem tudo pra ser um grande sucesso, e há uma expectativa enorme para esta segunda edição, agora virtual. A divulgação também está sendo bem forte e organizada. Há planos de uma nova edição online? 

Angie: Obrigada! No momento estamos tão focadas trabalhando nesta segunda edição que não sobra muito tempo para pensar no LVNA III. Só posso dizer que é uma possibilidade que não descartamos.

Wargods Press – Angie, parabéns pelo trabalho! Algum recado para os leitores do nosso site? 

Angie: Primeiramente queria agradecer a Wargods Press, principalmente Maicon Leite, pelo excelente trabalho que leva em frente e pelo espaço que está brindado ao LVNA. Só queria convidar mais uma vez a todo mundo a curtir o LVNA Fest II – Online Edition e acompanhar a gente nas redes sociais para ficar por dentro de todas as novidades! Também podem ficar à vontade para entrar em contato conosco via Instagram ou Facebook para nos indicar bandas e projetos com mulheres. Stay heavy \m/

Mais detalhes sobre o projeto e o evento:

Página no Facebook:
https://www.facebook.com/lvna.art/

Evento no Facebook:
https://www.facebook.com/events/1556475684557400/

Instagram:
https://www.instagram.com/lvna.art/

O festival será transmitido no seguinte link, às 20h de sábado:
www.youtube.com/lvnaartfest

Tags:, , ,

Categoria: Entrevistas · Festival Online · Lvna Fest · News


TOP